terça-feira, 31 de janeiro de 2012

GOVERNO DA MUDANÇA: SAÚDE É CAÓTICA

Charge do Walter Jr. publicada no Walter Charges
 A prefeita Rosinha Garotinho prometeu em seu programa de governo (AQUI) uma revolução na área da Saúde. Em seu plano ela prometia o seguinte: “Assumo o compromisso de implantar o Programa de Saúde com Qualidade que obedecerá aos princípios do Acolhimento, do Amparo e da Resolutividade, utilizando, principalmente, a estratégia da descentralização do atendimento e dos recursos diagnósticos e terapêuticos, da integralidade, do estreitamento do vínculo profissional de saúde com a comunidade, e da parceria com a rede filantrópica e privada”.

Hoje, no último ano do seu mandato o que vemos é um caos. A equipe da InterTV foi ver de perto como os paciente são atendidos no Hospital Geral de Guarus. Ficou comprovada a falta de respeito com a população.

 O vídeo pode ser assistido AQUI no site da Intertv.

Da Inter TV:

Pessoas que têm parentes ou amigos como pacientes do Hospital Geral de Guarus (HGG), em Campos, estão indignadas. Um telespectador fez imagens de dentro da unidade e mostrou atendimentos feitos em corredores. A equipe do RJ INTER TV confirmou a queixa do telespectador e também registrou imagens de superlotação.
A produção do RJ INTER TV conseguiu entrar ontem (29) no HGG e fazer imagens com uma câmera escondida. No local, várias macas com pacientes espalhadas pelos corredores. A enfermaria está lotada. Por causa do movimento intenso, a enfermeira pede calma e se enrola com os prontuários.
Em uma das macas uma senhora amarrada pede ajuda. Segundo os funcionários do hospital, foi preciso amarrar a paciente que estava muito agitada e sem acompanhante.
A equipe do RJ INTER TV foi até o hospital depois que recebeu imagens de um telespectador. Ele registrou por telefone celular pacientes sendo atendidos no corredor. Entre eles uma senhora de 72 anos a espera de uma vaga na UTI. Sem se identificar, parentes da idosa disseram que o caso dela é delicado. E denunciam o descaso no atendimento.
 

Um comentário:

  1. carlinhos j.carioca31 de janeiro de 2012 17:16

    Marcos,acho que toda mudança deveria ser para melhor,bom to falando como uma pessoa que dependo do SUS e que sempre fiz os meus exames(desde 2005),de forma rotineira,tipo,pegava o encaminhamento para o urologista e ao sair ja marcava o medico no HGG.Bom,dia 19/01 ao pedir um encaminhamento para o urologista,tamanha foi a minha surpresa ao tentar fazer a marcaçao,me mandaram para um "postinho"...questionei,e nada adiantou...hoje 31/01 continuo aguardando a ligaçao dessa p. de postinho.porque essa mudança?Tenho 59 anos e meu falecido pai teve problema de prostata.E vejo esse japa dizer que foi um problema atipico esse pessoal no corredor...eu mesmo ja passei por isso lá mesmo.Mas como pimenta na b dos outros é refresco,tire suas conclusoes!

    ResponderExcluir